Análise Evolucionária das Abordagens Desenvolvimentistas de Gunnar Myrdal e Ha-Joon Chang

Nome: Alana Carvalho Ferreira
Tipo: Dissertação de mestrado acadêmico
Data de publicação: 03/07/2017
Orientador:

Nomeordem decrescente Papel
Alexandre Ottoni Teatini Salles Orientador

Banca:

Nomeordem decrescente Papel
Alexandre Ottoni Teatini Salles Orientador
Rogério Arthmar Examinador Interno
Taiguara Villela Aldabalde Examinador Externo

Resumo: Esta pesquisa debruçou-se sobre as contribuições teóricas da Economia Institucional Evolucionária , de maneira mais específica nos subsídios de ThorsteinVeblen e Geoffrey Hodgson, objetivando inferir uma metodologia evolucionária de análise. Em seguida, buscou-se compreender a influencia da metodologia inferida em teorias do desenvolvimento econômico selecionadas. Os autores eleitos foram os economistas institucionalistas Gunnar Myrdal e Ha-Joon Chang, cujas teorias foram exploradas em busca de convergências e divergências em relação à metodologia evolucionária inferida. Os principais resultados encontrados apontaram para importantes convergências teóricas em ambos autores. Ressalta-se a centralidade e a forma do processo de evolução dos fenômenos analisados e a importância das instituições, de maneira geral. Myrdal destacou-se por sua análise de hábitos enraizados e por sua sofisticação do conceito de causação circular. Chang se destacou por sua contribuição ao entendimento da mudança institucional.

Acesso ao documento

Transparência Pública
Acesso à informação

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910